A Revelação Entra No Século XXI

Versão para impressãoVersão para impressão
Mo Siegel

Adormecemos no século XX e despertamos no século XXI percebendo que muitas das coisas do mundo que nos eram familiares se foram.


Por: Mo Siegel, Comissário da Fundação Urântia

Adormecemos no século XX e despertamos no século XXI percebendo que muitas das coisas do mundo que nos eram familiares se foram. Quando lançamos o olhar pelo espelho retrovisor vemos os nossos antepassados a descobrir, e depois, a planear para a 5ª revelação epocal. Os seus sonhos para O Livro de Urântia nasceram numa época muito mais simples e quase não foram influenciados pela monumental evolução tecnológica que surgiu logo após. Quando a primeira versão impressa do livro saiu, poucos milhões de habitantes nos Estados Unidos tinham televisão em suas casas. Google era o som que os bébés faziam e “Apple” (maçã) era algo que crescia nas árvores.

No último quarto do século XX a globalização, o comércio mundial, o tráfego aéreo internacional a preços acessíveis, a invenção de telefones celulares e dos computadores pessoais, alteraram significativamente o ambiente da Revelação. Finalmente a maior mudança de todas aconteceu com a invenção da internet. Em 1994 o governo americano libertou o controlo da internet e a “www” nasceu. Esta forma económica de motivar o crescimento da economia, inovação, criatividade, distribuição, comunicação, partilha de conhecimento e globalização, rapidamente reformulou o mundo. Em Dezembro de 1995 apenas 12 milhões de pessoas no mundo utilizavam a internet. Em Dezembro de 2007 este número cresceu para 1,3 biliões de pessoas. A revelação entrou assim no século XXI montada na era digital.Após esta fase de mudança no mundo, a Fundação Urântia encontra-se, ela própria, diante de oportunidades e desafios que requerem diferentes abordagens na disseminação, protecção e, eventualmente, na defesa da revelação. Quando o Doutor Sadler e a sua equipa de crentes pioneiros, olharam fisicamente para O Livro de Urântia, eles viram 2097 páginas num livro aprumadamente vincado.

Aceder ao Livro de Urântia mudou drasticamente nos últimos 10 anos. Hoje o livro apresenta-se em várias línguas, podendo ser comprado como objecto físico em capa dura ou mole. Pode ser lido, copiado e baixado em parte ou todo no computador ou no telefone celular, seja na Bolívia ou na Bulgária. Pode ser ouvido em CDs, DVDs e em leitores de MP3 ou celulares. Pode mesmo ser escutado em vídeos do YouTube. Pode ser tocado no iPod a bordo do Ferry passando o golfo da Finlândia ou numa viatura descendo Hollywood Boulevad.

Quando alguém quer aprender a respeito do livro e dos seus leitores, a simples palavra Urântia escrita no Google devolve centenas de pontos de informação instantaneamente, a favor ou contra os ensinamentos do livro. Aqueles que defendem o livro, e os que são contra, têm acesso fácil a blogs globais onde podem comentar a respeito do mesmo. Na Wikipedia, o conhecimento enciclopédico sobre a revelação pode ser encontrado, lido, estudado, editado e entregue pelo ciber espaço, a velocidades próximas do instantâneo até ao computador portátil colocado na sua mesa da cozinha.

Se acha que isto não é mudança suficiente para uma vida, veja então os grupos de estudo. Lembre-se dos velhos tempos (cerca de 15 anos atrás) quando a única forma prática de estudar a revelação era participar de um grupo de estudo local. Se alguém não tinha um grupo de estudo por perto, azar! Hoje os grupos de estudo vêm em vários sabores e servem quase todo o tipo de necessidades. Pode participar num grupo em casa de alguém, pode entrar em classes da escola internacional da internet, participar em grupos vários quilómetros distantes utilizando um simples microfone, repassar uma reunião de grupo gravada e armazenada digitalmente na rede, ou mesmo assistir a um grupo de estudo pelo YouTube. Pode encontrar leitores e juntar-se a grupos de estudo virtuais em redes sociais de sites como My Space e Face Book. E se isto parece maravilhoso, rumores na indústria da tecnologia predizem que nos próximos dois anos esta tecnologia vai expandir massivamente a capacidade da internet. Essa capacidade expandida irá acomodar facilmente encontros de grupos de estudo virtuais no ciber espaço, utilizando a tecnologia HD interactiva e tridimensional.


Quanto às livrarias nos Estados Unidos, as mudanças foram furiosamente rápidas. As livrarias pequenas da especialidade que venderam a Revelação numa fase inicial acabaram por desaparecer. Quase todas as livrarias específicas fecharam devido ao impacto do alto volume do mercado massivo dos grandes distribuidores. Por sua vez, esses poderosos distribuidores enfrentam falhas económicas enquanto os maiores retalhistas compram directamente de uma “mão cheia” de publicadoras, escapando completamente à rede de distribuidoras. Nos Estados Unidos, a maioria das livrarias independentes foram substituídas por cadeias de lojas e retalhistas como Wal-Mart e Costco.

Os livros de especialidades e de títulos únicos, os quais se vendem mais lentamente, encontram agora o seu canal mais viável para distribuição na Amazon.com e outras publicadoras.Pelo mundo fora, a indústria aprofundou uma transição dramática, com a Amazon.com e outros retalhistas na internet, que convenientemente oferecem aos compradores um lugar para antever os livros, ler opiniões sobre os mesmos e comprá-los novos ou cópias usadas a preços em grande desconto. Ainda melhor, toda esta experiência de compras acontece no conforto da sua própria casa. Para a Fundação Urântia, publicadora de um título único, cuja venda garante espaço na prateleira de uma cadeia de retalhistas como Barnes & Noble, os preços baixos da internet requerem uma organização cuidada de quem vende ou distribui o livro. Afirmar que a Fundação Urântia e a revelação enfrentam um oportuno e desafiador futuro seria uma enorme insuficiência.

Escrevi este artigo na esperança de contextualizar algumas decisões que foram tomadas durante os últimos anos. Os nossos amigos invisíveis, quando lançaram a Revelação em 1955 sabiam que a era digital estava a caminho. Talvez oseu planeamento tenha sido baseado nesse conhecimento. Enquanto o trabalho da Fundação Urântia se processa em calma e quieta paz, deveríamos estar confiantes que a nossa dedicada equipa alegremente enfrenta o desafio de providenciar O Livro de Urântia nesta nova era digital.

Foundation Info

Versão para impressãoVersão para impressão

Urantia Foundation, 533 W. Diversey Parkway, Chicago, IL 60614, USA
Tel: +1-773-525-3319; Fax: +1-773-525-7739
© Urantia Foundation. All rights reserved